segunda-feira, 7 de março de 2016

Testando receitas - Bolo Vegano Prestigio Menu Bacana

Pessoas lindas!! Como estão??
A sensação dessa semana é uma receita que achei no site Menu Bacana.
Quando vi a foto ja pensei... Esse trem deve ser bom demais! Ai comecei a ler: sem glúten, sem lactose, sem soja, sem ovo... Gente!! Que maravilha!!! Ja pensei em um priminho meu que amo de paixão que não come nada disso. Então eu resolvi que seria a próxima receita a ser testada! Alem do mais sei que tenho vários seguidores e amigos veganos, vegetarianos, alérgicos... Então vamos à essa delicia??

Pra começar vou dar a receita do leite de inhame. Sim, inhame!
Ele vai ser utilizado na receita do bolo e da cobertura.
Creio que ele possa ser substituido por outro leite vegetal de sua escolha. Não testei.

Leite de Inhame:
3 xícaras de chá de inhame cozido ao al dente ou cru (eu fiz com ele cru)
500 ml de água fervente

Sem mistérios para fazer. Coloca tudo no liquidificador e deixa bater bem.
Passar por um voal ou peneira bem fina (no meu caso usei uma peneira bem fina)
Não jogue a polpa que sobra fora!! Vamos precisar para o bolo!


Para o bolo os ingredientes são:

– 1 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de arroz;

– 1 e 1/2 xícaras (chá) de fécula de batata;

– 1/2 xícara (chá) de polvilho doce;

– 1 colher (chá) de goma xantana;

– 1 xícara (chá) de açúcar mascavo;

– 1 xícara (chá) de açúcar demerara;

– 1 xícara (chá) de cacau;

– 2 xícaras (chá) de leite de inhame;

– 1/2 xícara (chá) de óleo de coco;

– 1/2 xícara (chá) de água fervente;

– 3 colheres (sopa) bem cheias de purê de inhame;

– 1 e 1/2 colheres (sopa) de fermento em pó;

– 1 colher (sopa) de essência de baunilha.


Modo do preparo:

Preaqueça o forno a 180º (temperatura média). Em um recipiente, coloque a farinha de arroz, a fécula de batata, o polvilho doce e a goma xantana. Mexa bem até uniformizar as farinhas.
  Bata no liquidificador os demais ingredientes, com exceção do fermento, até formar uma mistura espessa. Junte essa mistura às farinhas e mexa até formar uma massa homogênea. Acrescente o fermento e misture delicadamente. 

Unte (eu untei com óleo de coco) e polvilhe uma forma com farinha de arroz. Em seguida, despeje a massa.
Leve o bolo ao forno para assar por aproximadamente 30-35 minutos ou faça o teste do palito.
Espere esfriar bem antes de desenformar o bolo.



Recheio de coco:
– 4 xícaras (chá) de leite de coco (vocês podem fazer o leite com coco in natura ou usar o pronto. No meu caso teve que ser um pronto mesmo)
– 3/4 xícara (chá) de açúcar demerara;
– 3 xícaras de coco ralado.

Leve ao fogo médio todos os ingredientes e mexa até desgrudar do fundo da panela. Reserve. Eu deixei ficar com ponto de brigadeiro.



Cobertura de cacau:

– 4 xícaras (chá) de leite de inhame; (para o bolo e a cobertura faça a receita dobrada)

– 1 xícara (chá) de açúcar mascavo;

– 3/4 xícara (chá) de açúcar demerara;

– 1 xícara (chá) de cacau;

– 2 colheres (sopa) rasas de amido de milho;

– 1 colher (sopa) de óleo de coco;

– 1 colher (sopa) de essência de baunilha.


Reserve 1 xícara (chá) de leite de inhame e as 2 colheres (sopa) de amido de milho.
Em uma panela, leve os demais ingredientes ao fogo baixo e mexa até levantar fervura. Continue mexendo por mais 5 minutos. Desligue o fogo. Dissolva as 2 colheres (sopa) de amido de milho em 1 xícara (chá) de leite de inhame reservada anteriormente. Coe a mistura do amido de milho com o leite de inhame e acrescente à calda. Ligue novamente o fogo e mexa vigorosamente até formar a consistência de mousse. Considerações: como ja estou acostumada a engrossar receitas com amido de milho eu não desliguei o forno. Antes de começar a receita ja deixei ela dissolvida no leite e so passei pela peneira no momento de colocá-lo.

video

Para montar o bolo deixei tudo esfriar. 
Como fiz o bolo bem a noite deixei de um dia pro outro tudo esfriando e pela manha parti o bolo em duas metades, coloquei todo o recheio e coloquei a metade do bolo em cima. A minha cobertura deu pra passar em todo o bolo generosamente e ainda sobrou um pouco que eu servi junto do bolo.





Gostaria de lembrá-los que não é uma receita minha e sim do Blog Menu Bacana que eu testei e reproduzi!!

Aqui uns videozinhos do meu snap (mcarolfaria) pra vocês ficarem morrendo de vontade de comer e façam essa receita divina!!!

video

video

video

quarta-feira, 2 de março de 2016

Torta Gelada de Frutas vermelhas

Oiii gente... Quem me segue no snapchat (mcarolfaria) ou no instagram (@amigadoencaceliaca) está completamente enlouquecido pela receita de hoje.
Hoje foi dia de comemoração aqui no escritório e como de costume o aniversariante ganha um lanche surpresa.
Mas a surpresa maior foi a ideia das meninas aqui do escritório! Primeiro elas sugeriram que cada uma fizesse uma receita do meu blog pra que eu pudesse comer! Olha que coisa mais linda!!


Nessa de cada uma fazer uma coisa fiquei responsável pelo doce. A muito tempo queria testar alguma das receitas de torta da Bela Gil com massa de aveia e como tinha morangos congelados em casa a receita escolhida foi a torta gelada de frutas vermelhas.


INGREDIENTES
MASSA:
1 xícara de farinha de milho (fubá)
1 e ½ xícara de aveia em flocos (ou farinha de aveia)
¼ xícara de óleo de coco
¼ xícara de melado de cana
1 pitada de sal marinho
RECHEIO:
¾ xícara de castanha de caju (ou pará) crua de molho por 4 a 6 horas (ou biomassa de banana verde)
Suco de 2 limões
1/3 xícara de óleo de coco
1/3 xícara de mel orgânico ou melado de cana
1 xícara de frutas vermelhas frescas (framboesa, morango e amora)

MODO DE PREPARO
PARA FAZER A MASSA:
Preaqueça o forno a 180ºC.
Coloque a farinha de milho, aveia e sal e processe até virar uma farinha fina.
Numa tigela pequena, misture o óleo e o melado.
Adicione os ingredientes molhados na farinha e misture bem até formar uma massa com consistência de massa de cookie.
Espalhe numa forma de torta de 23cm e coloque para assar no forno por 15 minutos.


COMO PREPARAR O RECHEIO:
Enquanto a massa esfria, prepare o recheio.
Escorra a água do molho da castanha e leve todos os ingredientes ao processador e bata até ficar homogêneo.
Recheie a torta com a massa já fria e leve à geladeira para endurecer. Sirva gelada!



AGORA VAMOS ÀS MUDANÇAS.... rsrsrs
No lugar das castanhas utilizei biomassa de banana verde. A mesma quantidade.
Como minha forma é meio grande pra essa receita ela não deu pra fazer a borda da torta, consequentemente o recheio seria pouco. Minha mãe deu a ideia de fazermos um creme de gemas e foi isso que fizemos.

INGREDIENTES:
500ml de leite sem lactose
3 gemas 
1 colher de sobremesa de maisena
1 colher de chá de essência de baunilha
1/3 xícara de melado de cana
Reserve uma xícara do leite e dissolva a maisena. Leve todos os ingredientes ao fogo medio mexendo sem parar ate engrossar. Reserve.


Sobraram 3 claras... Ideia de numero 2... Um chantili sem lactose

INGREDIENTES
3 claras de ovos
1 pitada de sal
1 vidro de creme de leite fresco sem lactose (o meu estava gelado)
Melado de cana ou açúcar (sugiro o açúcar de baunilha ou açúcar de coco)
Coloque as claras numa batedeira, adicione uma pitada de sal e bata ate ficarem firmes. Junte o 3 colheres de sopa de açúcar ou melado. Bata bem. Adicione o creme de leite fresco e bata ate ficar bem firme.


Para montar a torta espere a massa esfriar. Coloque o creme de gemas e leve à geladeira ou freezer ate esfriar e ficar consistente.
Adicione o creme de morango. Volte para o freezer a torta.
Após aproximadamente 20 minutos adicione o chantili, cubra com papel filme volte com a torta para o freezer.
Quando for servir decora à sua maneira. Eu utilizei varias frutas.
O resultado foi simplesmente incrível! Completamente elogiada e deliciosa!!
Se fizerem me marquem no instagram!!!
Bom apetite!!!





Post interessante de blog amigo - Sintomas

Varias e varias e varias vezes as pessoas me perguntam sobre meus sintomas.
Muitas vezes algumas delas estão a anos sem saber o que fazer porque tem prisão de ventre, doenças de pele, cabelo cai, gases, inchaços e por ai vai...
Postei no meu facebook pessoal e achei interessante publicar aqui também um post do Sem Glúten Sem Lactose falando sobre 7 sinais de intolerância ao glúten que muitas vezes são ignorados!
Os sintomas vão desde vertigens e tonteiras até problemas digestivos crônicos.
Se você quer saber mais sobre esse assunto e ler esse post super interessante é so clicar AQUI!